Roteiristas falam sobre furo no enredo de Vingadores: Ultimato

Roteiristas falam sobre furo no enredo de Vingadores: Ultimato

Ser um dos maiores filmes de todos os tempos significa que muitos olhos estarão direcionados para você, e isso aconteceu de fato em Vingadores: Ultimato. Uma das cenas mais importantes de Vingadores: Ultimato foi quando Capitão America se torna digno de pegar o martelo de Thor, mas poucos notaram o furo de enredo que acabou sendo notado por vários fãs.

Se você não notou, vamos te explicar: em um determinado momento, o Capitão América é visto invocando raios com o Mjolnir. O problema é que, no decorrer do Universo Cinematográfico Marvel (UCM), descobrimos que essa era uma habilidade natural de Thor e que o martelo não tinha esse poder. Em outras palavras: o Deus do Trovão usava o Mjolnir apenas como condutor para poder invocar raios antes de aprender a fazer isso sem a ajuda do martelo.

Desde então, muitos fãs apontaram esse furo de enredo dentro de Vingadores: Ultimato. Christopher Markus, um dos roteiristas do filme, decidiu se manifestar sobre o assunto.

“Houve certamente um debate em um momento, já que (Thor:) Ragnarok mostrou que Thor pode invocar raios sem o martelo. Eu acho que Odin até disse ‘nunca foi o martelo’. Mesmo assim, o Capitão conseguiu invocar raios com o martelo. Você vê essas coisas e pensa ‘ é muito legal pra não fazer!’ Falaremos sobre isso depois”, disse Markus. Gosta do CineVicio? Também estamos no Instagram e Facebook, siga-nos por lá e receba nosso conteúdo direto na sua rede social. Siga também nosso parceiro, Um Nerd Cômico no Instagram
Mostrar comentários